Uma agência de publicidade e propaganda conta com vários profissionais. É uma galera que curte criatividade, inovação e estratégias. Claro que vale o ditado “cada um no seu quadrado”. Isso quer dizer que cada um tem sua função, suas potencialidades e habilidades. Mas aqui, a gente adapta este ditado pois é preciso estar “cada um no seu quadrado”, em sintonia com o quadrado do outro. Sacou? Tem a turma da criação, redação, tráfego, interação, a galera que domina tudo no online e o atendimento, de quem vamos falar neste texto.

Mas afinal, o que é o atendimento?

Jobs! Muitos Jobs! Briefing, bate papo com a criação, defesa das peças e aprovação com o cliente, prazos para entrega, começar novamente do zero e segue…

Assim é a rotina do atendimento de uma agência. Se por um lado, em um primeiro olhar, a rotina do atendimento parece ser a treva, para a galera louca da publicidade, este cenário é um paraíso, já que qualquer publicitário que se preze, precisa, no mínimo, de uma pitada de loucura em algum aspecto da vida. É muita coisa, muitos clientes e muito trabalho! 

O atendimento é aquele cara que representa o cliente dentro da agência e ao mesmo tempo, a agência junto ao cliente. Ele é responsável por buscar todas as informações necessárias para transformá-las em materiais de comunicação. 

Além de todo conhecimento estratégico, o atendimento precisa ter muito jogo de cintura. Sim! Tem aquele job que chegou de última hora e precisa ser entregue “ontem”, mas tem uma pauta lotada na frente. Tem aqueles materiais que aos olhos da galera está ótimo, perfeito, mas que aos olhos do cliente, precisa de alterações. É um vai e volta normal dentro de uma agência. Mas quando o job é aprovado de primeira, aí é só correr para o abraço e comemorar! A gente faz muito disso aqui na UAU.

Tem ideias pipocando na cabeça, uma dose de psicologia para estar entre a galera da criação e o cliente, mas acima de tudo, ama pessoas que irão receber a mensagem, entender, ressignificar e interagir com a marca. O atendimento precisa falar de negócios. Dos mais diferentes segmentos.

Walter Hugo Bratch, CEO do Grupo UAU

“É um trabalho minucioso e criterioso, que precisa de pessoas qualificadas que entendam de negócios, saibam utilizar essa linguagem e mais do que isso, tenham a habilidade de traduzir estas informações para a equipe da criação, dentro da agência. Essa sintonia vai gerar ações em comunicação para o cliente”, explica o CEO do Grupo UAU, Walter Hugo Bracht. 

Sintonia com o cliente

Cada atendimento conta com uma carteira de 10 a 15 clientes. Muito mais do que brifar, é preciso conhecer a risca o negócio de cada um e ainda suas expectativas de mercado e resultados esperados. Isso porque o atendimento também irá sugerir ações estratégicas que vão ao encontro dos objetivos de cada empresa. 

“Cada um com um ramo e especificidade de negócio diferente, com objetivos diferentes, anseios de comunicação diferentes, sonhos que querem realizar através de suas marcas, e nós, somos os fiéis depositários disso tudo”, explica a coordenadora de atendimento, Liziane Barbieri. 

A responsabilidade do atendimento, também conhecido como gestor de contas é primordial. O vínculo com o cliente se constrói com o tempo e a confiança é fundamental já que em muitos momentos, o atendimento fará parte das decisões estratégicas da empresa. “O atendimento tem o dever de levar o melhor e o que irá gerar mais resultado financeiro para o seu cliente, mesmo que isso lhe custe horas de defesa de uma campanha. Fazemos isso na UAU. Temos uma proposta diferente, trabalhamos com matemática criativa e não apenas peças bonitas que “agradam”os clientes. Tudo tem um porquê, um pensar sobre”, considera. 

Muita informação

Já falamos que o atendimento precisa conhecer muito sobre o seu cliente, como ele pensa e suas expectativas. Mas não é só isso. É preciso estar de olho no mercado para desenvolver as melhores estratégias, conhecer as opções de mídia mais interessantes para cada cliente e os canais de comunicação que mais se aproximam dos diferentes públicos. 

“O profissional de atendimento que atua com excelência é aquele que tem a característica de um camaleão, ou seja, se adapta de acordo com o mercado e o segmento que está atendendo. É multitask. Tem uma visão holística do mercado e sabe exatamente onde um negócio impacta o outro”, considera Walter. 

E o consumidor final? Rá! Principalmente. O atendimento precisa acompanhar atentamente a mudança de comportamento dos consumidores, em especial, aqueles que fazem parte do público dos seus clientes. Todas as ações são pensadas em acordo com os hábitos dos consumidores. 

Tem mais! Vigiar a concorrência também faz parte da análise do mercado.

“É preciso estar atento a concorrência também pois isso ajuda no desenvolvimento de estratégias. O atendimento também precisa entender um pouco de T.I, redação, direção de arte, mídia e produção, custos, e sempre buscar a inovação”, explica Bruna Schuck, atendimento do Grupo UAU. 

A tecnologia avança em um piscar de olhos. São diferentes ferramentas, software, tendências e tantas outras possibilidades no cenário da comunicação que é preciso estar sempre com o olhar lá na frente para não ficar pra trás. 

Satisfação ou resultado?

Sinceridade e firmeza. Características que não podem faltar no profissional do atendimento. Isso porque, ele definitivamente não pode dizer amém para tudo, principalmente para satisfazer o cliente. 

A agência trabalha pela busca do resultado. Isso envolve o fato de dizer não para o cliente, ou defender com unhas e dentes uma ideia ou estratégia segura de resultados. Afinal, é isso que buscamos. Resultado: seja em negócios gerados, fortalecimento da marca e tantas outras possibilidades de ações que estão em torno da atividade publicitária. 

Foco, questionamento, estudo de mercado e empatia também são requisitos básicos para um atendimento com excelência. 

O atendimento no Grupo UAU

A Manada UAU encara a comunicação e os negócios como devem ser e principalmente com atitudes de dono. Aqui, o atendimento precisa ser excelência, ter vínculo com o mercado e capacidade de estabelecer processos.


“Aqui na UAU utilizamos muitos processos. Contamos com sistemas e registros. Nos preocupamos com a pontualidade na entrega dos jobs e usamos ferramentas que proporcionam resultados para os nossos clientes. A organização é um ponto forte do atendimento na UAU”, afirma o CEO Walter Hugo Bracht. 

O Grupo UAU atua no mercado publicitário regional desde 2005, atendendo às necessidades das marcas em todos os aspectos, com foco no marketing híbrido. A agência encara a comunicação e os negócios dos clientes com atitudes de dono, buscando ir mais longe através da inovação.

Share This